A obesidade, mal dos tempos modernos, vem sendo bastante mal interpretada. A tendência geral é jogar toda a culpa na alimentação, mas parece que o problema tem raízes mais profundas. As emoções, o sistema endócrino, a falta de descanso profundo, o sedentarismo, o ambiente familiar, entre outros, indicam que estamos lidando com um desequílibrio multifatorial. O objetivo deste texto é esclarecer como a Medicina Chinesa pode ajudar as pessoas com excesso de peso.

Vejo muitas pessoas que já estão adotando uma dieta saudável mas continuam sendo castigadas pela balança. Vamos tentar entender a questão de maneira mais ampla, começando com os três pilares da saúde: Nutrição, Sono e Exercício.

Nutrição: Claro que é importante escolher bem seus alimentos. Mas tem vozes demais nesse assunto, que acabam gerando confusão: outro dia ouvi um médico na TV afirmando que devemos consumir seis ovos por dia! Eu acredito que conforme a pessoa vai acalmando sua mente, ela vai entendendo o que é bom pra ela. Quanto aos alimentos em si, os industrializados são os que mais debilitam o metabolismo. Nessa quadrilha, os principais vilões são: o açúcar branco e o sal e a farinha refinados.

Tão importante quanto os alimentos que você escolhe é o seu estado de espírito enquanto come. Gandhi nos deixou uma noção clara do assunto: “Quando estiver estressado não coma, jejue até se sentir mais calmo”. Recomendo fazer algumas respirações profundas de olhos fechados, sentindo o cheiro da comida antes de atacar. Procure comer sentado em um ambiente tranquilo, deixando os talheres repousarem na mesa enquanto você mastiga. E mastigue até ficar líquido!

Sono: Quem já escutou a frase emagrecer dormindo? Essa sabedoria popular indica que é durante o sono profundo que o corpo consegue fazer a faxina e preparar o processo de eliminação de toxinas. O melhor amigo do sono profundo é o escuro, apague as luzes e as telas. Antes de dormir evite comidas pesadas, bebidas estimulantes, filmes violentos..

Exercício: As técnicas da Medicina Chinesa vão deixar seu corpo preparado para queimar resíduos, mas essa queima só acontece com o exercício. E aqui o objetivo é fazer seu corpo eliminar através do suor! Cada um escolhe o exercício que gosta mais (ou desgosta menos!). Procure uma companhia ou um grupo que te ajude a manter a motivação.

A primeira coisa que falo para os meus pacientes é: Não existe solução mágica. Infelizmente todo o foco da mídia está em afirmar exatamente o contrário: O novo remédio, o novo ab-shaker, o novo chá que vai te enxugar em 2 semanas! E quando vemos que a tal maravilha não funciona já estão nos bombardeando com uma enxurrada de novos milagres.

A cura real só acontece com um trabalho bem feito e disciplinado. Outro insight de Gandhi: “suas ações expressam suas prioridades”. Nesse mundo de muito falar e pouco fazer, é preciso inverter a regra: Faça um acordo com você mesmo. Com paciência, vá transformando seus hábitos, sem se afundar na culpa quando não for possível. Aos poucos, os resultados virão. E a maior das alegrias será recuperada: Viver contente dentro do seu próprio corpo.

Nicolas

Texto escrito por Nicolas Carvalho, profissional da Medicina Chinesa que traz os conhecimentos orientais ao Círculo Saudável

O contato e currículo completo do profissional você encontra aqui http://circulosaudavel.com.br/complementares-2/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *