Florais para ansiedade – um estudo sobre essa prática

Florais para ansiedade – um estudo sobre essa prática

A ansiedade pode estar relacionada a várias doenças psicossomáticas. Terapias integrativas e complementares. Como a terapias florais para ansiedade, ajudam na prevenção e no tratamento dessas patologias.

A publicação da Revista da Escola Paulista de Enfermagem da USP mostra a pesquisa realizada por Léia Salles e Maria Júlia Paes da Silva sobre os efeitos dos florais.

Impatiens, Cherry Plum, White Chestnut e Beech em pessoas ansiosas.

“A ansiedade se manifesta por alterações fisiológicas e psicológicas. As respostas orgânicas podem incluir tremores, palpitações. Vertigens, hiperventilação, náuseas, diarreia, boca seca, insônia, fraqueza e inapetência. As alterações comportamentais incluem preocupação, inquietação. Nervossismo, tensão e apreensão e podem aparecer sem que a presença de uma ameaça real seja identificada. Podendo assim parecer aos demais como desproporcional à intensidade da emoção.

Foram avaliadas 34 pessoas, a ansiedade foi medida por meio do Inventário de Diagnóstico da Ansiedade Traço – Estado no início e final da intervenção.

O grupo submetido a terapia floral apresentou uma diminuição maior e estatisticamente significativa no nível de ansiedade em comparação ao grupo placebo.”

Publicação na íntegra, acesse  http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-21002012000200013&lang=pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *