Auriculoterapia ou Acupuntura Auricular é um sistema independente da acupuntura e especialidade dentro da Medicina Tradicional Chinesa.

 

Uma técnica, que utiliza pontos que estimulados vão harmonizar , através da reflexologia local no Pavilhão Auricular, a função dos órgãos e vísceras (Zang/ Fu).

A Auriculopuntura era praticada na China antiga e também na França. Ela é um importante recurso propedêutico que colabora como um método diagnóstico e terapêutico, e mostra as alterações dos Zang/ Fu através de pontos eritematosos ou pálidos, alterações pigmentárias que podem ser manchas, tubérculos, vascularizações, secura  ou secreção sebácea.

São portanto, sinais característicos da presença de desequilíbrios e assim colabora com a Acupuntura Sistêmica.

 

Canais de Energia

As orelhas são nutridas por canais de energia que penetram nela através dos pontos de acupuntura.

Na sua face anterior, em suas saliências e reentrâncias estão localizados os pontos ou áreas correspondentes às estruturas orgânicas ou a funções do organismo.

As orelhas têm uma parte externa visível à inspeção. Ela apresenta saliências e depressões e a mais profunda chama-se Concha. A margem da orelha é denominada Hélice ou Hélix.

Outra saliência mais interna é a Anti-Hélix que na parte superior se bifurca e forma a Fossa Triangular e na parte inferior , a saliência é chamada Antitrago.

Entre a hélix e a anti-hélix existe o canal da hélix que dá origem ao Lóbulo. A parte onde se localiza o meato acústico é o Trago.

 

Conexão com o Cérebro e suas Funções

A inervação da orelha acontece através dos nervos trigêmeos, facial, vago, occipital menor e auricular menor e são os responsáveis pela sensação de tato, dor, frio e calor.

As inervações quando estimuladas sensibilizam regiões do cérebro (tronco-cerebral, córtex, cerebelo, etc…) . Cada ponto da auriculo tem relação direta com um ponto cerebral , que por sua vez está ligado pela rede do sistema nervoso, a determinado órgão ou região do corpo que comanda as suas funções . Por isso, através dessa relação ponto-cérebro-órgão é que torna possível o tratamento das mais variadas enfermidades.

 

A orelha se compõe de 3 partes: a externa, a média e a interna.

A orelha externa e a média transferem as ondas sonoras do exterior para a orelha interna onde está o órgão vestíbulococlear que se relaciona com o equilíbrio e com a audição e tem relação com os Rins pela Medicina Tradicional Chinesa.

 

Quem pode receber a Acupuntura Auricular?

A Acupuntura Auricular atua muito bem também em crianças recém-nascidas, em idosos com senilidade mental, em pacientes que estão em coma  e também na Medicina Veterinária, em animais de pequeno e grande porte.

Os efeitos da Auriculopuntura são imediatos pois o estímulo leva o cérebro a agir sobre os todos os órgãos e suas funções , equilibrando, harmonizando o organismo e provocam a eliminação dos males.

 

Aplicação

Para a prática da Auriculopuntura usamos agulhas, sementes de mostarda  ou cristais radiônicos que devem ser aplicados nos pontos na posição correta , mobilização e profundidade adequados com sensações imediatas na orelha, que podem ser calor, dor, aquecimento, frio ou pressão, demonstrando a eficácia da técnica.

Os pontos da Auriculo são em número de 300, sendo 200 na frente e 100 atrás da orelha.

Pode-se utilizá-la para analgesia e anestesia  e é recomendado também na Odontologia.

A estimulação com as agulhas nos pontos auriculares podem promover reações locais e também no corpo.

As sensações no corpo podem ser de calor , pontadas, adormecimento, dor , formigamento, garganta seca , peso , frio, movimentos peristálticos e também vazio total (sensação que pode ser sentida por hipertensos).

 

Contra-indicações
  • mulheres grávidas com menos de 5 meses de gravidez ou
  • mulheres com histórico de abortos espontâneos.
  • gestação do 5o ao 9o mês deve-se evitar os pontos auriculares do ovário, útero, secreção glandular, abdomen e pélvis pois podem provocar contrações uterinas.
  • pessoas debilitadas, desnutridas ou hipotensas.

 

Prática Integrativa e Complementar no SUS

Sessões de acupuntura e auriculoterapia, podem ser incluídas nos serviços oferecidos à população pelos postos de saúde municipais, principalmente, para pacientes com dores crônicas. Além de reduzir a prescrição de analgésicos, os usuários relataram melhora também no bem-estar emocional.

Verifique na Secretaria da Saúde do sua cidade se essa e outras Práticas Integrativas e Complementares (PICs) já estão sendo oferecidas na sua região.

 

Referência Bibliográfica

Acupuntura Tradicional- A Arte de Inserir de Ysao Yamamura

Tratado de Auriculoterapia – Prof. Marcelo Pereira de Souza

 

 

Texto escrito pela terapeuta e acupunturista Edna Fernandes.

Para contato e currículo da profissional clique aqui!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *