A Importância de Integrar

Terapias complementares e integrativas na sua rotina

Em busca de melhor qualidade de vida muitas pessoas já fazem uso de terapias complementares e integrativas na sua rotina. É comum encontrarmos pessoas que consultam médicos, nutricionistas, psicólogos e que praticam atividades físicas, ioga, meditação entre outras práticas como um modo de autocuidado.

A procura por essas terapias costuma aumentar quando a pessoa encontra-se em um momento de fragilidade como em um tratamento de alguma doença, por exemplo.

A grande maioria das pessoas não comunica os profissionais envolvidos no caso sobre o uso dessas práticas por não encontrarem abertura ou por não acharem necessário. Porém, muitas dessas terapias podem ter interações entre si e nem sempre favoráveis. Outras podem ser associadas ao tratamento convencional e ajudar no controle de sintomas além de contribuir para melhores resultados.

O profissional da saúde deve estar aberto para o diálogo, ser apto para validar as práticas e realizar – junto ao paciente – o plano de tratamento, acompanhar a evolução e fazer ajustes quando necessários.

Na Medicina Integrativa torna-se essencial a relação entre os profissionais possibilitando a expansão do conhecimento, dos recursos oferecidos ao paciente e do sucesso do tratamento.

slide_integrar

slide_integrar2
X